Medidas de contingência COVID-19 na APOIAR

REABERTURA DA APOIAR AO PÚBLICO

Com o fim do Estado de Emergência, a APOIAR volta a poder abrir ao público com atendimento presencial condicionado.  A partir de dia 17 de Maio e enquanto não houver alteração do Estado de Calamidade em que nos encontramos, a sede volta a abrir portas ao público. Apesar disso, e enquanto não houver um regresso total à normalidade,  o atendimento continua com horário condicionado e dependente das regras da Direcção Geral de Saúde.

MENSAGEM DA DIRECTORA CLÍNICA

Com o fim do estado de emergência a partir de 4 de Maio, começa assim uma nova fase de controlo da pandemia em Portugal, caracterizada por uma tentativa de reabertura gradual da economia no país.

Durante o período de estado de emergência e assim como no SNS, a APOIAR,  no âmbito do combate à propagação da Covid-19, implementou um conjunto de medidas de prevenção com o objetivo de garantir a segurança dos utentes, acompanhantes e profissionais de saúde, encerrando as suas portas durante este período e suspendendo as actividades assistências presenciais de consultas.

Com o fim do estado de emergência a actividade da Associação, irá gradualmente retomar a normalidade.

O fim do estado de emergência, não significa o fim da pandemia ou a diminuição do risco para a doença.

As medidas para prevenir o contágio devem ser mantidas.

Por: Lucília Bravo

(Directora Clínica APOIAR)

CONDIÇÕES DE ATENDIMENTO

ATENÇÃO: Sem outro motivo que não seja consulta, antes de se deslocar à Associação, deverá sempre contactar a APOIAR primeiro.  O atendimento ao público  continua a estar condicionado pelo que deverá SEMPRE agendar a sua visita às instalações da APOIAR.As consultas presenciais serão sempre marcadas PELO PROFISSIONAL DE SAÚDE, mesmo quando a pedido do utente. Assim, quando se deslocar à APOIAR tenha em conta a seguinte:

DEVERÁ COMPARECER O MAIS POSSÍVEL À HORA MARCADA

NÃO É PERMITIDA A PERMANÊNCIA NAS INSTALAÇÕES APÓS A CONSULTA OU ATENDIMENTO

ACOMPANHANTES DO UTENTE DEVERÃO ESPERAR NO EXTERIOR DA SALA DE ESPERA (Hall de entrada do edifício) É reconhecido o direito do acompanhante entrar nas instalações sempre que se justifique.

Esteja atento a a alterações a esta informação

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *