JN divulga o estudo da APOIAR sobre a demora nos processos de stress de guerra

A edição do Jornal de Notícias de ontem publica o press release da APOIAR relativamente à demora dos processos de qualificação como DFA por perturbação psicológica crónica (stress de guerra)

50 anos do início da Guerra Colonial

Hoje, 4 de Fevereiro, assinalam-se os 50 anos do início da Guerra colonial, quando a cadeia de Luanda foi atacada pela UPA (posteriormente FNLA), acto considerado terrorista pelo regime  que matou sete polícias e fez com que Salazar, um mês depois, destacasse uma força armada para a colónia para lidar com os insurrectos. O conflito Leia mais

Stress de Guerra alastra às famílias (Público)

Reportagem de 2009 do Jornal Público sobre o Stress de Guerra Secundário. Realizada através da Psicóloga Clínica na APOIAR,  Susana Oliveira, esta reportagem aborda um,a família que sofre com as sequelas do stress de guerra do ex-combatente. Reportagem sobre o impacto do stress de guerra nas famílias /Público/8 de Novembro de 2009

No campo de batalha 20 anos depois (Diário de Notícias)

Reportagem que incide sobre como o stress de guerra afecta os ex-combatentes 20 anos depois do fim da Guerra Colonial. O Associado da APOIAR Rafael Almeida dá um dos testemunhos. Noutro artigo fala-se da luta pelo reconhecimento do stress de guerra e do trabalho pioneiro de Afonso de Albuquerque no Júlio de matos que dá Leia mais

A Guerra Continua para Rafael Almeida (Diário de Notícias)

Reportagem no Diário de Notícias com o associado da APOIAR, Raphael Almeida e de como a guerra continuou a afecta-lo 30 anos depois. o ex-combatente fala de como foi difícil regressar a Portugal como ex-combatente e como um herói medalhado foi tornado num vilão A Guerra Continua / Diário de Notícias /2 de Outubro 1997